Peito de mãe

Peito de mãe amamenta
Por vezes sangra, arrebenta
Dá o leite que alimenta
e o carinho que acalenta
Peito de mãe aconchega o colo
Apertado, que na cólica esquenta
Balançado, que o sono sustenta
Peito de mãe transborda
Leite vaza,
Felicidade extravasa
Peito de mãe se enche de orgulho
Estoca emoção
E soluça no escuro
Peito de mãe, proteção
Carrega um coração
Que a todos enfrenta
Que tudo aguenta
Peito de mãe guarda calor
Coleciona lembranças
E esquece a dor
Peito de mãe nunca vazio
Nunca mais sem filho
Peito de mãe é amor

Por Fernanda Curado Reale