Após os 6 meses os bebê devem começar a introdução alimentar, porém existem alguns alimentos que devemos ficar de olho  e não dar para eles antes dos 2 aninhos… vejam a listinha:

  • alimentos crus ou mal cozidos (como carnes) – podem causar intoxicação alimentar;
  • azeitonas com caroço – causam engasgos;
  • balas,doces, pirulitos e marshmallow –  não tem valor nutricional nenhum e na maioria dos casos são açúcar puro;
  • Chocolate – Apesar de ser uma delícia, é rico em açúcar, gordura e cafeína. E até os 2 anos o açúcar deve ser evitado ao máximo.
  • Achocolatadodevido à alta concentração de açúcar e pode fazer com que a criança tome leite somente dessa forma;
  • Salem acesso aumenta os níveis da pressão arterial
  • Amendoim, castanhas, nozes e demais oleaginosascontem o fungo aflatoxina que pode causar danos ao fígado, além de causar engasgos e sufocamento.
  • Bolachas com recheiopossuem somente gorduras, açúcares e sódio, não têm quantidade relevante de vitaminas e minerais – ou seja, não têm valor nutricional.
  • Bolos prontos com recheio ou coberturaricos em gorduras trans e/ou saturadas e em açúcares, não acrescentam na nutrição infantil.
  • Frutos do marPodem causar reações alérgicas. Evite, portanto, nos 12 primeiros meses de vida de seu filho.
  • Macarrão instantâneoCom excesso de sódio em sua composição, pode produzir alterações no metabolismo infantil. Os pais devem evitar servi-lo para as crianças durante o primeiro ano.
  • MelPode produzir uma toxina causadora do botulismo (doença que causa paralisia no tronco, braços, pernas e sistema respiratório). O organismo humano só desenvolve uma barreira contra ela na flora intestinal depois que a criança completa um ano de idade.
  • PipocaO problema é a casca durinha que costuma ficar presa nos dentes dos adultos. Em crianças, pode causar engasgos sérios. Os pequenos não devem comer pipoca até os quatro anos.
  • RefrigerantesAlém de não terem valor nutricional nenhum, trazem sódio, gorduras e açúcares em excesso em sua composição. Evite até a criança completar dois anos. Depois disso, o consumo pode ser permitido com moderação.
  • Café – Por ser rico em cafeína, o café é estimulante e provoca a dilatação dos vasos sanguíneos, aumenta a circulação, acelera os batimentos cardíacos e a atividade cerebral.
  • Salgadinhos industrializadosO excesso de sódio na composição pode levar a alterações no metabolismo infantil. Também têm mais gorduras do que o recomendado para a dieta das crianças. Dependendo do formato, podem fazer a criança engasgar. Evite até os dois anos.
  • Embutidos em geral (salsicha,mortadela, presunto, salame, peito de peru)Ricos em sódio, gorduras, conservantes, corantes, nitrato (responsável por deixá-los avermelhados) que é cancerígeno. Pode ser gostoso, mas não são nenhum pouco saudáveis e se você tem criança pequena em sua casa, é uma grande oportunidade pra parar de consumi-los.
  • Sucos industrializados (em pó ou em caixinha)São néctares ultraprocessados e têm valor nutricional praticamente nulo. Opte pelos sucos naturais.
  • Gelatina – Por conter muito açúcar e corantes.
  • Comidas industrializadas (nuggets, hambúrgueres, almôndegas, lasanhas, etc) – ricos em sódio e gorduras trans.
  • Petit Suissse – é industrializado, contém corante, conservantes, emulsificante de sabor, gordura, açúcar e a coloração só serve como atrativo para o consumo das crianças.

É uma listinha grande né? Mas não custa a gente tentar e evitar… o Benício até fazer 1 aninho não comeu nada com sal e nem açúcar, temperamos as papinhas dele somente com alho, sal e ervas… é difícil controlar principalmente nas festinhas, onde tem pessoas que não respeitam a decisão dos pais e dão tudo para as crianças comerem. Escutamos das pessoas, principalmente as mais antigas, tadinho ele está com vontade… a pediatra me disse que não é vontade, pois ele nunca experimentou mas sim curiosidade.

Eu não vou dar açúcar para ele até os 2 aninhos.. espero conseguir..

Quanto mais conseguirmos que eles fiquem longe desses alimentos melhor será…pois é até os 4 anos que eles constroem os hábitos alimentares..

Boa sorte!!!